Como cristãos tornaram a tatuagem cool na Roma Antiga

Naiara Leão
5 min readJun 12, 2018

“Trago no corpo as marcas de Cristo”. De punição a escravos e criminosos, tatuagem virou símbolo de resistência política e espiritual

Detalhe de corpo de mumificado de mulher do Sudão, século 7. Ela tem tatuagem de monograma de São Miguel. Fonte: British Museum

No Império Romano dos primeiros séculos depois de Cristo, a tatuagem significava o mesmo que para a maioria da sociedade algumas décadas atrás: coisa de marginal e de bandido. Os romanos a usavam como punição pública a escravos e criminosos

--

--

Naiara Leão

Nomad. PhD student of Religion, early Christianity and Women's and Gender Studies. Follow my IG @academicanomad